TDAH – Déficit de Atenção

Déficit de Atenção e hiperatividade. Saiba tudo sobre déficit de atenção e hiperatividade.





GOSTOU? ENTÃO CLIQUE EM:

Muitas crianças e adultos são criticados por falta de atenção, hiperatividade, impulsividade, há também queixas por não fazer as coisas até o final, deixar tudo largado e pela metade, é comum tentar explicar a desatenção, hiperatividade, agitação, impulsividade como traços de personalidade, irresponsabilidade ou falta de interesse.

Quando a falta de atenção, hiperatividade, agitação, descuido ou adiamento crônico são muito intensos, é possível ser um caso de TDAH (DDA) – Transtorno de Déficit de Atenção / Hiperatividade. Nesta situação, vale a pena procurar um especialista em TDAH (DDA), hiperatividade e co-morbidades.

O TDAH – Déficit de Atenção é uma condição de base orgânica, que tem por principais características dificuldades em manter o foco da atenção, controle da impulsividade e a agitação – que é a hiperatividade. É também chamado de DDA, THDA, TDAHI, entre outras siglas.

O que significa “base orgânica”? Significa que, nos portadores do TDAH, há uma estrutura cerebral que não “trabalha” como seria esperado. Esta estrutura é chamada de lobo pré-frontal – é uma área do córtex cerebral localizada na parte da frente da cabeça, entre a testa e o meio do crânio. Esta área é formada por milhões de células cerebrais, chamadas neurônios. Quando o córtex pré-frontal tem seu funcionamento comprometido, a pessoa passa a enfrentar muitas dificuldades, entre elas problemas com concentração, memória, hiperatividade e impulsividade.


Receba gratuitamente atualizações, promoções e novidades exclusivas.


Artigos Relacionados:

1 Comentário

  1. kkkkk disse:
    axo que tenho essa doença

Deixe um comentário